”Essa música me deixa tão triste” ::: replay


— Você errou.
— Me desculpe.
— Não.
— Não vai acontecer de novo.
— Você disse isso da última vez.
Victoria B, (C69)

Vivo me entupindo de coisas inúteis na tentativa de preencher a nostalgia que sinto de como as coisas eram, de quem eu era e de quando eu tinha você.
Fafy Hammer, (C69)


theres-adream:

Posso não vê-lo todos os dias. Posso não sentir o abraço dele todos os dias. Posso não ter tido a sorte de ter morado perto dele, mas no fundo, ninguém vai te amar como eu te amo, e pode ter certeza nunca vou deixar você ir. theres-adream




"Dói né?" "O que?" "Perceber que você ja não é tão importante pra quela pessoa."


E esse medo? por favor, alguém sabe o que eu possa fazer com ele? Tem como tira-lo de mim? Ou pelo menos tenta-lo esconder? É difícil conviver com esse sentimento que me mata cada dia, que me tortura, que tira minha concentração, é difícil viver com esse medo de te perder, medo de que você vá embora e não volte mais, medo de você desistir de tudo que conquistamos até agora, seria como, nadar, nadar, nadar, e morrer na praia. Não posso viver com a ideia de que você possa estar com outra pessoa, estar rindo com outra pessoa, sendo feliz sem mim. Tenho a sensação de que a vida esta contra mim, que estou correndo contra o tempo, e se eu não vence-la posso te perder, mas eu não consigo asseitar isso, não posso deixar a vida te tirar de mim, não vou deixar tire uma coisa que ela mesma me deu, não vou cometer o mesmo erro de deixar que a felicidade seja tirada de mim, vou tirar forças do meu amor por você e vou lutar até o ultimo segundo, até você dizer chega.
— em-briagado (via em-briagado)

next »
1st page
ask me Submit +Follow she is mine
archive Bloggroll ta no tédio?
forever my brother
« all theme by relembrado. »
measuring my feelings for you.
i need a lot,
you always

Realmente aprendi duas coisas: A primeira é que não há nada de errado em sacrificar o orgulho em nome de uma pessoa que te faz sorrir. Porque cá pra nós, hoje em dia não é fácil encontrar alguém que lhe faça dar um sorriso sincero. A segunda é que em um relacionamento você tem que aceitar a outra pessoa por tudo que ela é, não só pelas partes fáceis de aceitar. É burrice virar as costas pra uma coisa tão importante como o amor. 

(s-uperar)